a cave

Posted in delírios, poesia by homem da cave on Janeiro 19, 2007







25. Notificação

Chegou o momento de saber toda a verdade
o momento de espalhar o lençol no chão
de se deitar por cima
e esperar

Virá um pássaro indefinível
ler-lhe uma notificação:
“os cruéis, os cruéis, os cruéis…”

Trinta páginas
para você pensar
que o cotovelo do braço
desabará a qualquer momento
para você se levantar
para um juiz gritar:
Deite-se e espere
onde eu mandar!





Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. Ignacio said, on Janeiro 24, 2007 at 00.00

    Bonita


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: