a cave

Posted in poesia by homem da cave on Outubro 2, 2007







56.


Os dias de aniversário
estruturalmente
e antes da invenção das civilizações
antes mesmo de tudo
eram os dias.

Os dias ocorrem regularmente.
Que me lembre
todos os dias nasce um dia.
Tem sido deveras complicado explicar isto
mas parece que o sol concedeu
que a terra girasse à sua volta
e ter-se-á sentido bem
naquela presunção própria do género masculino
chamada de movimento de translação
ou de sedução
ou o que for.

E há também o movimento de rotação
que dá origem aos dias
incluindo os dias de aniversário
mas que é um movimento egoísta
em torno do seu próprio eixo.

Os dias de aniversário acontecem uma vez por ano
por capricho do dito movimento de translação
o que desagrada sobremaneira a algumas pessoas.

Eu prefiro o correr dos dias sem aniversário
aprecio a terra achatada nos pólos
a teoria das marés
a gestação lenta das estações do ano
perguntas rápidas e respostas ausentes.





7 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Ignacio said, on Outubro 3, 2007 at 00.00

    Felicidades

  2. maria said, on Outubro 4, 2007 at 00.00

    hmmm, será que nascemos no mesmo dia? curioso

  3. homem da cave said, on Outubro 4, 2007 at 00.00

    Parabéns a todos os que fazem anos a 2 de Outubro mas não se trata do dia do meu aniversário. Sou caranguejo…

  4. maria said, on Outubro 6, 2007 at 00.00

    Só li agora. Seres Caranguejo faz sentido, tenho um de treze anos cá por casa, o meu poema pessoal portanto. São criaturas sensíveis, de perguntas, respostas, observações e escritas na linha desta beleza que ainda estou a saborear. Gosto de te ler, esta visão é uma das mais bonitas que já encontrei por aqui. Um abraço.

  5. ana salomé said, on Outubro 7, 2007 at 00.00

    hum, cá para mim este poema está genial.

    excelente regresso.

  6. 3vairado said, on Outubro 8, 2007 at 00.00

    também aprecio a ocorrência dos dias e as perguntas rápidas como zarabatanas; não entendo o capricho da translação;
    saúdo o regresso.

  7. Jorge A. S. said, on Outubro 18, 2007 at 00.00

    Gosto desta sua maneira “matteroffactely” rigorosa de surprender o quotidiano, entre a taxonomia e a arqueologia das ideias feitas…

    Abraço.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: