a cave

66.

Posted in delírios, poesia by homem da cave on Março 27, 2009






seria importante
mas não foi

seria feliz
e morreu

seria belo
e estropiou-se

tudo se revelou tremendamente branco

um branco de verso de poema

como tal
tremendamente recusado

tal como
tremendamente não se usa em poesia

e essa coisa da voz e tal
da voz poética

ouvindo vozes
ficando loucos

que grande porra
vai rever o que escreves

outros dizem:
o terreno arado da literatura
ou será o campo lavrado
o campo de futebol lavrado

tudo são campos
alguns impraticáveis para a prática

por lá passaria
e não passou

por esses campos eivados

seria louco outra vez
e não conseguiu